Incêndios e Explosivos - Uma Introdução à Engenharia Forense


Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível
Ganhe mais 5% de desconto pagando no boleto

Tema antes apresentado em matérias esparsas, é agora enfeixado num só livro de características inéditas. 

Traz os melhores fundamentos, orienta análise das causas físicas e químicas dos fenômenos incêndio e explosões, seleciona os métodos periciais mais apropriados para cada sinistro e recomenda cuidados na elaboração de laudos periciais. 

Assinam a obra os mais qualificados especialistas brasileiros, brindando os leitores com uma obra, além de original, de excepcional qualidade e utilidade.

 

Série Tratado de Perícias Criminalísticas – organizador: Domingos Tocchetto

 

Sobre o Autor:

Ranvier Feitosa Aragão

Perito Criminal; Engenheiro; Ex-Diretor do Instituto de Criminalística do Ceará; Consultor; Parecerista; Conferencista; Professor de Perícias de Acidentes de Trânsito.

 

COLABORADORES:

Celito Cordioli

Osvaldo Negrini Neto
Rodrigo Kleinübing

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características



    Capítulo I
    O Incêndio e a Explosão no Âmbito da Engenharia Forense e da 
    Criminalística Estática, Dinâmica e Pós-Moderna

    1. Reminiscências da Ciência, Tecnologia e da Engenharia
    2. Os Extremos de uma Arte
    3. Conceito e Desenvolvimento da Engenharia Forense
    4. Modelação da Engenharia Forense pela Criminalística
    4.1. Pela criminalística estática
    4.2. Pela criminalística dinâmica
    4.3. Pela criminalística pós-moderna
    5. O Processo de Solucionamento da Engenharia Forense
    5.1. Etapa I: o levantamento dos dados
    5.2. Etapa II: o estudo dos dados
    5.3. Etapa III: a explicação da ocorrência
    6. Requisitos do Trabalho da Engenharia Forense
    6.1. A relevância lógica
    6.2. A validação técnica e científica
    6.3. Idealizando novos requisitos
    7. Análise Prática das Perícias
    8. A Heurística e o Quebra-Cabeça da Análise dos Vestígios
    9. Conclusão e Opinião - Elementos Objetivos e 
    Subjetivos - Dosagem e Manipulação
    10. Deontologia e Revisão de Perícia
    11. Metaperícia - Tratamento de Erros e Falsidades na Perícia
    11.1. Introdução
    11.2. O ideal da perícia
    11.3. Das incongruências - má perícia e falsa perícia
    11.4. Da veridicidade e da falsidade

    Capítulo II
    Introdução à Perícia de Incêndio

    1. Historicidade do Fogo
    2. Conceito de Incêndio
    3. Propósitos de uma Perícia de Incêndio
    4. Causas e Classificação Etiológica dos Incêndios
    5. Enquadramento Jurídico da Perícia
    6. O Responsável Técnico pela Perícia
    7. Atribuições Profissionais do Perito em Incêndios
    8. Elaboração Diagnóstica e os Princípios da Perpetuação, 
    Reprodutibilidade e Demonstrabilidade
    8.1. Descrição
    8.2. Desenho
    8.3. Fotografia

    Capítulo III 
    Princípios Físico-Químicos da Ciência do Fogo

    1. Fogo e Incêndio
    2. Combustíveis e Comburentes
    3. O Processo Químico de Combustão
    4. Estado de Agregação dos Combustíveis
    5. Poder Calorífico dos Combustíveis
    6. Principais Reações de Combustão
    7. Oxigênio e Inibidores da Combustão
    8. Cinética Elementar da Combustão
    9. A Reação em Cadeia
    10. Faixa de Ignição e Limites de Ignição
    11. A Ignição
    12. Funções de Estado dos Combustíveis
    13. Velocidade de Combustão
    14. Combustibilidade
    15. Balanço Material e Energético da Combustão
    16. Explosivos e Explosões
    16.1. Histórico
    16.2. Conceito de explosivos
    16.3. Classificação dos explosivos
    16.4. Conceito de explosões
    16.5. Classificação das explosões
    17. Casuística
    17.1. Explosão de vapores inflamáveis no porão de petroleiro
    17.2. Incêndio causado por explosão de gases de combustão
    17.3. Princípio de incêndio causado pelo escoamento de material fundido
    17.4. Explosão em tanque de caminhão de transporte de asfalto
    17.5. Explosão difusa de poeira orgânica
    17.6. Estravasamento de líquido combustível superaquecido
    17.7. Combustão de contaminantes

    Capítulo IV
    Desenvolvimento de Incêndios

    1. Fases do Ciclo Típico de um Incêndio
    1.1. Fase inicial
    1.2. Fase intermediária
    1.3. Extinção
    2. Meios de Propagação do Fogo
    2.1. Contato direto das chamas
    2.2. Formação de focos secundários por queda de materiais
    2.3. Condução de calor
    2.4. Convecção do calor
    2.5. Radiação térmica
    3. Evolução Natural Básica do Fogo
    4. Propagação do Fogo Através dos Elementos da Construção
    5. Disposições Construtivas e Confinamento do Fogo

    Capítulo V
    Dinâmica do Fogo e Focos de Incêndio

    1. Isocombustão e Incêndios Aplásicos
    2. A Movimentação e a Velocidade do Fogo
    2.1. Estigmas da velocidade do incêndio
    2.2. Estigmas da movimentação do fogo
    3. Regras Práticas para Localização de Focos de Fogo
    4. Morfologia dos Focos de Fogo Clássicos
    5. Casuística
    5.1. Foco de fogo e intensidade de combustão
    5.2. Foco de fogo baixo
    5.3. Foco de fogo em área restrita

    Capítulo VI
    Processos e Fontes de Ignição

    1. Princípios Básicos da Termodinâmica
    2. Processos e Fonte de Ignição
    3. Calor Gerado por Fricção
    4. Faíscas Mecânicas
    5. Energia Solar
    6. Combustão Espontânea
    7. Descargas Atmosféricas
    8. Eletricidade Estática
    9. Chama Aberta e Incandescência
    10. Eletricidade Dinâmica
    11. Casuística
    11.1. O atrito como fonte de calor
    10.2. Resíduos incandescentes
    10.3. Eletricidade Estática
    10.4. Combustão espontânea
    10.5. Curto-circuito elétrico

    Capítulo VII
    Incêndios com Origem em Fenômeno Elétrico

    Celito Cordioli
    1. Introdução
    2. Energia Elétrica - Geração e Distribuição
    2.1. A energia elétrica
    2.2. A geração de energia elétrica
    2.3. Transformação e transmissão da energia elétrica
    2.4. Distribuição da energia elétrica
    2.5. Unidade e conceitos elétricos
    3. Fatores Elétricos como Possível Elemento Ígneo de Incêndios
    3.1. Sobrecarga
    3.2. Curto circuito
    3.3. Faísca elétrica (arco voltaico)
    3.4. Raios (descargas atmosféricas)
    3.5. Eletricidade estática
    3.6. Equipamentos elétricos energizados
    4. Locais de Incêndio por Fenômeno Elétrico
    4.1. Cuidados preliminares
    4.2. Das informações
    5. Condicões para que a Energia Elétrica seja Fonte de Ignição
    5.1. Fenômenos que podem dar origem a Ignição por energia elétrica
    5.2. Condições para a ocorrência de ignição por energia elétrica
    6. Elementos nas Instalações Elétricas a serem Examinados
    6.1. Entrada de energia
    6.2. Quadro de medição e proteção
    6.3. Quadro de proteção e distribuição
    6.4. Distribuição interna
    7. Exame nos Possíveis Elementos de Ignição 
    7.1. Procedimentos nos exames periciais em locais de incêndio
    7.2. Procedimentos específicos para locais de incêndio de origem elétrica
    7.3. Análise do Dimensionamento de Condutores Elétricos
    8. Casuística
    8.1. Princípio de incêndio por subdimensionamento de equipamento (trafo)
    8.2. Incêndio de origem elétrica em distribuidora de combustível
    9. Considerações Finais

    Capítulo VIII
    Incêndios de Causa Deliberadamente Provocada

    1. Introdução
    2. Dos Elementos Subjetivos
    3. O Método da Eliminação
    4. Métodos de Eclosão e Deflagração
    5. Elementos de Exame e Análise Iniciais
    6. Evidências Diretas de Incendiarismo
    7. A Técnica da Coleta de Amostras de Remanescentes para 
    Pesquisa Laboratorial de Acelerantes do Fogo
    8. Casuística
    8.1. Traços de acelerante do fogo positivado fora do prazo admissível
    8.2. Incendiarismo definido pela ausência de agente ígneo
    8.3. Multiplicidade de focos de fogo
    8.4. Digressão no comportamento natural do fogo
    8.5. Incompatibilidades do fogo com a carga incêndio
    8.6. Chama aberta posta diretamente
    8.7. Focos de fogo múltiplos e independentes

    Capítulo IX
    Incêndio Fatal

    1. Atribuições da Perícia
    2. Ação da Fumaça sobre a Respiração
    3. Ação do Calor sobre o Corpo Humano

    Capítulo X
    Diagnose de Incêndios e Explosões em Veículos

    Rodrigo Kleinübing
    1. Introdução aos Incêndios e Explosões em Veículos
    2. Alguns Mitos dos Incêndios e Explosões em Veículos
    3. Estudo de Causas em Veículos Incendiados
    3.1. Fenômenos elétricos do tipo sobrecarga e/ou curto-circuito
    3.2. Vazamento de combustível
    3.2.1. Vazamento de combustível líquido
    3.2.2. Vazamento de gás natural veicular
    3.3. Vazamento de outros fluidos
    3.4. Atrito entre componentes veiculares
    3.5. Acidentes de trânsito
    3.6. Outras situações de risco de incêndios e explosões em veículos
    4. Exame Pericial em Veículos Incendiados
    5. Casuística de Incêndios Intencionais
    6. Prevenção de Risco de Incêndios e Explosões em Veículos
    7. Bibliografia
    8. Índice Fotográfico

    Capítulo XI
    Técnica Geral de Exame em Local de Incêndios em Ambiente Confinado

    1. Introdução
    2. Do Reconhecimento dos Vestígios e da Documentação Geral
    3. Da Coleta, Manuseio, Registro e Acondicionamento de Vestígios
    4. Do Exame Atinente à Edificação
    5. Dos vestígios Principais e Outros Dados Complementares
    6. Subsídios sobre os Elementos Gerais de Análise Pericial
    7. Conclusão

    Capítulo XII
    Análises Físicas e Químicas de Explosivos Químicos

    Osvaldo Negrini Neto
    1. Preliminares
    2. Utilização das Substâncias Explosivas
    3. Tipos de Explosivos Químicos
    4. A Perícia em Local de Explosão
    5. Coleta do Material no Local e Verificações Prévias
    6. Principais Explosivos e seus Resíduos
    6.1. Deflagradores ou baixos explosivos
    6.1.1. Pólvora negra
    6.1.2. Pólvora branca
    6.2. Rompedores, reforçadores ou altos explosivos
    6.2.1. Explosivos nitroglicerínicos
    6.2.2. ANFO (nitrato de amônia com óleo combustível)
    6.2.3. 2,4,6 trinitrotolueno (TNT, trotil)
    6.2.4. 2,4,6, trinitrofenol (ácido pícrico ou TNP)
    6.2.5. PETN (tetranitrato de pentaeritritol, nitropenta)
    6.3. Detonadores
    6.3.1. Estifinato de chumbo (trinitroresorcinato de chumbo, TNR-Pb)
    6.3.2. Outros iniciadores (fulminato de mercúrio e azida de chumbo)
    7. Principais Análises Instrumentais

    Capítulo XIII
    Análises Físicas e Químicas de Resíduos de Incêndios
    Osvaldo Negrini Neto
    1. Preliminares
    2. Análises Cromatográficas dos Materiais Colhidos nos Locais de Incêndio

    Capítulo XIV
    Glossário de Termos Técnicos sobre Incêndios e Assuntos Correlatos


    Referências Bibliográficas